Os medicamentos contêm substâncias químicas que estão presentes diariamente em nossa vida: seja para curar-nos ou aliviar os sintomas de uma doença. Mas o que devemos fazer quando um medicamento termina ou passa do prazo de validade? Venha saber como, onde e porquê fazer o descarte correto de medicamentos!

Por que realizar o descarte correto?

Os medicamentos podem ter substâncias tóxicas ou que se tornam tóxicas após sua decomposição. Por isso, quando descartados em locais inadequados (como lixo comum e sistema de esgoto) podem contaminar o solo e a água.

Mesmo em cidades que possuem sistemas de tratamento de esgoto, pode haver a contaminação do meio ambiente – já que o sistema de tratamento não é capaz de eliminar todas as substâncias tóxicas encontradas nos medicamentos. 

Sendo assim, o descarte incorreto pode afetar os organismos que vivem nesses ambientes e pessoas que consomem essa água, além de colocar em risco a saúde das pessoas que entram em contato direto com esses resíduos, como garis e catadores.

Como fazer o descarte de medicamentos?

O primeiro passo é estar atento ao prazo de validade dos medicamentos e separar todos os que estão vencidos. Após isso, você deve procurar as farmácias e drogarias que participam do programa de descarte consciente, clicando aqui é possível consultar os pontos de coleta mais próximos de você. Caso sua cidade não possua os pontos de coleta, é preciso entrar em contato com uma Unidade Básica de Saúde e pedir orientações ao farmacêutico sobre como realizar um descarte seguro.  

Após serem descartados em um ponto de coleta adequado, os medicamentos são encaminhados para usinas, onde são incinerados para haver a descontaminação química completa.

Como reduzir a quantidade de medicamentos a serem descartados?

Aqui estão algumas sugestões de como reduzir a quantidade de medicamentos a serem descartados:

  • No caso de medicamentos que não precisam de receita médica para serem adquiridos, só compre quando necessário;
  • Quando for ao médico, leve uma lista com os medicamentos que já possui, assim pode verificar a possibilidade de utilizá-los;
  • Siga os tratamentos conforme solicitado pelo médico, sem interrupções ou excessos;
  • Compre a quantidade de medicamento exata que será necessária para o tratamento, ou a mais próxima possível.

Por quê se tornar um ponto de coleta de resíduos?

A sociedade tem dado cada vez mais importância à preservação do ambiente, e com isso a preocupação em descartar corretamente medicamentos têm aumentado.

Portanto, a procura por pontos de coleta de resíduos de medicamentos tem crescido – e as farmácias que disponibilizam esse serviço possuem um diferencial. Elas atendem a essa demanda dos consumidores, fidelizam seus clientes e acabam até aumentando suas vendas. Isso ocorre pois o consumidor encontra a facilidade de poder descartar e comprar medicamentos em um mesmo estabelecimento.

Ficou interessado sobre o descarte correto de medicamentos? Quer saber como se tornar um ponto de coleta de resíduos de medicamentos? Venha conhecer nossos serviços de consultoria farmacêutica! Entre em contato clicando aqui.

 

Fontes

Roche

Ache